Newton Cannito – Cinema e TV

Newton Cannito tem uma vasta experiência no universo cinematográfico.
Abaixo, uma lista de trabalhos de grande destaque realizados. São filmes, séries e curtas que demonstram o talento, experiência e versatilidade do roteirista.

Magal e os Formigas

Longa Metragem 2016.

Magal e os formigas é um filme de comédia dramático, que traz a história de uma aposentado ranzinza que tem visões com o cantor Sidney Magal, com direção de Newton Cannito.

Unidade Básica

Série de TV 2017 – Universal

Inspirado em casos reais, a série se passa em uma Unidade Básica de Saúde na periferia da cidade de São Paulo e traz histórias de superação e desafios enfrentados por dois médicos que tem visões diferentes sobre a atuação.

Reza Lenda

Longa metragem 2016

Em uma terra sem lei, a sorte favorece apenas os mais fortes e corajosos. Ara, um homem de ação e poucas palavras, é o líder de um bando de motoqueiros armados que acredita em uma antiga lenda capaz de devolver justiça e liberdade ao povo da região.

Direção: Homero Olivetto

IndicaçõesGrande Prêmio do Cinema Brasileiro – Melhor AtrizMAIS

ProduçãoHomero OlivettoFernando FraihaBianca VillarKiki LavigneCristiana LavigneKaren Castanho

RoteiroHomero OlivettoNewton CannitoPatrícia Andrade

O OUTRO ESCRITOR

SÉRIE TV, 2015. CANAL FUTURA. A série O Outro Escritor traz leituras cênicas de contos e poemas de Thelma Guedes, feitas por atores brasileiros consagrados. Cada um dos episódios dialoga com a obra de um escritor da literatura brasileira ou universal, que tenha sido essencial na formação da autora. 10 episódios de 12 minutos.

Série TV, 2015. Canal Futura

A série O Outro Escritor traz leituras cênicas de contos e poemas de Thelma Guedes, feitas por atores brasileiros consagrados. Cada um dos episódios dialoga com a obra de um escritor da literatura brasileira ou universal, que tenha sido essencial na formação da autora. 10 episódios de 12 minutos.

Cidade dos Homens

Cidade dos Homens é uma série de televisão coproduzida pela O2 Filmes e Rede Globo, sendo exibida durante quatro temporadas, entre 15 de outubro de 2002 e 16 de dezembro de 2005 e uma minissérie, entre 17 a 20 de janeiro de 2017. Contou com roteiros de César Charlone, Claudio Galperim, Eduardo Tripa, Elena Suarez, Fernando Meirelles, George Moura, Guel Arraes, Jorge Furtado, Kátia Lund, Leandro Saraiva, Melanie Dimantas, Newton Cannito, Paulo Lins, Paulo Morelli, Pedro Morelli, Regina Casé e Rosa Amanda Strausz. A direção de cada episódio ficou a cargo de diversos diretores, como Adriano Goldman, Cao Hamburger, César Charlone, Eduardo Tripa, Fernando Meirelles, Kátia Lund, Paulo Lins, Paulo Morelli, Pedro Morelli, Phillippe Barcinski, Regina Casé e Roberto Moreira

Bróder

Longa Metragem 2010

Roteiro de Jefferson De e Newton Cannito. Grande vencedor do Festival de Gramado em 2010, entre várias outras premiações. Focada na amizade, a história, passada em 24 horas, traça o reencontro de três amigos que dividiram a infância no Capão Redondo: Jaiminho (Jonathan Haagensen), um jogador de futebol em ascensão no exterior, Pibe (Silvio Guindane), um sacrificado corretor de imóveis e Macu (Caio Blat), o jovem protagonista que se mantém no bairro, flertando com a criminalidade. Produção: Glaz Entretenimento e Barraco Forte.

O HOTEL DO SAULO

Curta metragem 2009
O filme retrata o cotidiano de um ‘hospedeiro inóspito’. A entrada-saída de “hóspedes”, a jornada de trabalho dos trabalho dos funcionários e suas horas de folga dão forma à estrutura preenchida pelo romance de Saulo, sócio de Amaro no Hotel, e de Mirta, que foi sequestrada por engano e aguarda no Hotel sua libertação. 15 minutos.

9 MM : São Paulo

Série de TV 2008 – Fox

9mm: São Paulo é uma série ficcional de televisão produzida pela Fox em parceria com a Moonshot Pictures e exibida no Brasil pela Fox. Criada por Roberto d’Avila, Newton Cannito e o jornalista Carlos Amorim. A série enfoca a vida pessoal e profissional de um grupo de cinco policiais do departamento de homicídios.

Jesus no Mundo Maravilha

Documentário 2007

Narra a história de três ex-policiais militares que trabalham num parque de diversões do Mundo Maravilha depois que foram exonerados da corporação. Esse filme foi o vencedor brasileiro do DOCTV Ibero América, que premiou um documentário em cada um dos 15 países participantes e os exibiu em todos esses países (Argentina, Chile, Uruguai, Brasil, Bolívia, Peru, Colômbia, Venezuela, Panamá, Costa Rica, Porto Rico, Cuba, México, Portugal e Espanha).

Os Formigas

CURTA-METRAGEM, 2012

Na década de 1970 um homem que pensa como formiga, tem medo da greve e medo do Lula, e por isso começa a estocar arroz – muito arroz – na sala de casa. Sua mulher, no entanto, um pouco mais cigarra, sonha em ter um sofá, “alguma coisa meio fofa onde se possa sentar”. Ela só queria um pouco de conforto para aguentar a vida dura. Uma comédia alegórica biográfica que retrata a vida de minha família em melancólico tom trágico, interpretada por palhaços engraçados. 15 minutos.

Quanto vale ou é por quilo?

Longa Metragem 2005

Direção de Sergio Bianchi, lançado em junho de 2005.
Roteiro de Eduardo Benaim, Newton Cannito, Sergio Bianchi e Sabina Anzuategui.
Prêmio de melhor roteiro no Festival de Fortaleza. O filme faz uma analogia entre o antigo comércio de escravos e a atual exploração da miséria pelo marketing social, que forma uma solidariedade de fachada. Produção: Agravo Produções Cinematográficas.

Mistério da Estrada de Sinistra

Longa Metragem 2007

Direção de Jorge Paixão da Costa, baseado no livro homônimo de Eça de Queiroz.
Roteiro: Jorge Paixão da Costa, Mário Botequilha, Newton Cannito, Nuno Vaz.
O filme é uma co-produção Brasil e Portugal. Foi lançado em Portugal em março de 2007 e no Brasil em 2008. Vencedor do Edital Luso – Brasileiro (Ancine/ICAM) 2005.

Violência S.A.

Documentário 2005

Com roteiro e direção de Newton Cannito, o documentário aborda o mercado de segurança privada. Foi vencedor do Doctv de 2004, uma iniciativa da TV Cultura e do Ministério da Cultura do Estado. Produção: MC2 Filmes

Alô, Alô, Terezinha!

Documentário 2009.

Dirigido por Nelson Hoineff e com roteiro de Newton Cannito e Nelson Hoineff.

Baseado na vida do apresentador de programas de auditório no rádio e televisão brasileira, Abelardo Barbosa, mais conhecido pelo seu pseudônimo “Chacrinha”.